Nosso Roteiro: Porto

Antes de mais nada preciso dizer que fiquei encantada com Porto. Apesar de ser a segunda maior cidade de Portugal, ainda preserva um clima de cidade de interior bem aconchegante. A parte mais turística é dividida em duas pelo Rio Douro. De um lado Porto, do outro a Vila Nova de Gaia.

A cidade de Porto

Mas apesar da minha comparação com cidade interiorana, Porto é moderna nos detalhes. Wifi gratuita, por exemplo, é encontrada em vários pontos públicos da cidade. Os preços praticados em restaurantes e lojas são justos e as opções são das mais diversas. Aliás, você não terá nenhuma dificuldade em encontrar vinhos e espumantes por 2 Euros. Porto é muito charmosa e a parte turística pode ser feita toda a pé, apesar do transporte público também ser de primeira.

Como chegar

Considerando Lisboa como ponto de partida, são 290km. Aqui explico em detalhes como fazer o trajeto de carro alugado, trem, ônibus ou avião.

.

O que fazer

.
Ribeira

Conhecer a Ribeira é um bom ponto de partida para um tour em Porto. Para chegar até lá você pode pegar o funicular que sai da Praça da Batalha (2 euros o trecho) e te deixa exatamente em frente a ponte. Mas também é possível ir tranquilamente a pé. Nesse local ficam os principais restaurantes de Porto, os pequenos shows, espetáculos e daqui você pode seguir para outros tantos pontos turísticos.

.

[Not a valid template]

.

Da Ribeira você pode seguir para vários pontos a pé, como o Palácio da Bolsa, a Sé Catedral, a Torre dos Clérigos, a Livraria Lello e ainda a Avenida dos Aliados, no coração da cidade. No caminho de todos esses pontos você vai se deslumbrando com um prédio mais lindo e interessante que o outro. E não se preocupe em se perder. Um mapa desses que a gente consegue no hotel já é o suficiente para você ter uma boa noção de toda a parte turística.

Passeio pelo Douro

Do lado de Vila Nova de Gaia, do outro lado da ponte partem os barcos que fazem o passeio pelo Rio Douro. A embarcação sobe o rio por uns 20 minutos, cruzando 4 pontes. Mas também há outros tipos de passeios, com duração mais longa. Não cheguei a fazer, mas vi que custam entre 12 e 100 euros por pessoa. Também vi que há passeios que saem do lado de lá do rio.

.

[Not a valid template]

 

Caves

Do outro lado da ponte, também nas margens do Rio Douro, estão as principais caves da cidade. Não é preciso hora marcada e os preços são baratos. Dá para ir em mais de uma em um só dia. Falei sobre todos os detalhes dos passeios nas caves aqui nesse post.

Cave de Porto

Miradouros

Assim como Lisboa, Porto tem vários miradouros de onde se tem uma vista deslumbrante da cidade, da ponte e do rio.

Capela das Almas | Porto

E se você, assim como eu, se encanta com os azulejos portugueses, não deixe de conhecer a Capela das Almas (ou Capela de Santa Catarina). Fica em Santo Ildefonso. É uma construção do século XVIII com as paredes externas revestidas de azulejos que representam cenas da vida de São Francisco de Assis e de Santa Catarina.

Estação São Bento | Porto

A estação de São Bento também é famosa pelas paredes com azulejos.

Onde comer

Há excelentes opções de restaurantes dos dois lados do Rio Douro.  Fomos ao  Rabelos Restaurante e adoramos a comida e o atendimento, mas achamos o preço um tanto salgado. Depois experimentamos o Taberninha do Manel e amamos! Tem um ambiente super diferenciado, cardápio perfeito, e atendimento nota 10. Os preços também são bem em conta. Um prato de bacalhau para uma pessoa sai por 8 euros e para duas pessoas, 14 euros. Uma jarra de vinho da casa custa 5 euros.

.

[Not a valid template]

.

Para café da manhã ou lanche, sugiro você ir até a próxima esquina e escolher uma das centenas de padarias da cidade. É uma melhor que a outra. Quando fui peguei referência do Café Guarani (que é simpático, funciona até como restaurante, mas tem preços elevados) e do Café Magestic que defini como “pega otário” assim que me sentei, observei o ambiente e o cardápio. Preços impraticáveis, ambiente velho e acabado. Havia lido comparações com a Confeitaria Colombo, do Rio de Janeiro, e achei uma grande injustiça.  Enfim… minha opinião: em uma cidade onde você tem maravilhosas padarias a cada esquina, o Café Magestic não vale a pena.

Uma padaria de Porto (esquerda) e o Café Magestic (direita)

Onde ficar

Em Porto, optamos por nos hospedar na Praça da Batalha, de onde fazíamos tudo a pé. Ficamos no Mercure e pagamos 54 euros pela diária do quarto de casal sem café da manhã, pois a ideia era conhecer as delícias das padarias portuguesas. Por fora, o prédio do hotel é antigo, mas por dentro é bem moderno e elegante. O quarto era de tamanho médio, com TV, poltrona, guarda-roupa, mesa, cadeira, cofre e uma máquina de Nespresso. O banheiro também era espaçoso e a cama parecia até maior que a King Size. Outro ponto que merece destaque: o quarto tem uma janela com uma bela vista da cidade.

Mércure | Porto

E no Booking você irá encontrar outras excelentes opções de hospedagem em Porto, sem taxas adicionais e ainda com cancelamento grátis.

E você, conhece Porto e tem alguma dica para complementar nosso post? Fique a vontade e conta pra gente ai nos comentários! 😉


Siga o Across the Universe no Twitter: @acrosstheblog

no Instagram: @acrosstheblog

e curta a nossa fanpage no Facebook: facebook.com/acrosstheblog

 

7 Comentários para "Nosso Roteiro: Porto"

  1. Bóia disse:

    Oi, Polliana. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Bóia – Natalie

  2. Vivianne Gusmao disse:

    Oi Polliana.

    Já anotei a dica da Taberninha do Manel para minha próxima ida ao Porto agora em maio e gostaria de deixar minha sugestão.
    Não sei se por falta de pernas e fôlego, prefiro fazer o passeio para conhecer pontos turísticos ao contrário do que vc fez. Partindo da Ribeira vc pegará sempre subida para os pontos turísticos citados. Eu gosto de descer do Aliados e ir passando pelos pontos turísticos enquanto DESÇO em direção a Ribeira. Entao para aqueles que, como eu, não são muito fãs de subir ladeira, fica a dica 😉

    • Você tem toda razão, Vivianne. Eu é que não controlo a minha ansiedade… quando chego a uma cidade nova já quero logo conhecer a parte mais famosa. rs
      obrigada pela dica!

  3. Nemer disse:

    Poliana

    Muito bom e objetivo seu post.
    Hm dúvida, como você conseguiu a tarifa de €54 no hotel? Pesquisei não achei por menos de €80.

  4. Diana G. disse:

    O Porto é uma cidade linda!!

Deixe seu Comentário

Não deixe de ler a nossa Política de Comentários.**






* Campos de preenchimento obrigatório