Portugal: Visitando as caves em Porto

Uma vez em Porto, uma das primeiras coisas que você deve fazer (odeio recomendar um passeio dizendo “deve”, mas nesse caso vale) é visitar uma das inúmeras caves que fica na beira do Rio Douro. As visitas guiadas acontecem em horários pré-estabelecidos e em diferentes idiomas, de acordo com a procura. Não há necessidade de agendamento prévio. É só entrar em uma escolhida, verificar os horários disponíveis e pagar ali mesmo. Mas é bom ter em mente que eles fecham para o almoço!

As caves ficam espalhadas pela beira do Rio Douro, do outro lado da cidade. Para chegar até lá é só atravessar a ponte (a pé ou de trem), seguir a rua à direita e escolher uma entre as várias opções. Como tivemos dois dias na cidade, optamos por uma em cada dia.

Sandeman

Sandeman | Cave | Porto | Portugal

Primeiro visitamos a Sandeman, que fica em um edifício de granito e tem tours a partir de 5 euros com degustação de dois tipos de vinhos. Os passeios podem chegar a 35 euros, com degustação de queijos e guia privado.

Sandeman | Cave | Porto | Portugal 02

Durante o tour, um guia devidamente uniformizado no estilo da própria logomarca do Sandeman, fala sobre os diversos tipos de uvas, o processo de fabricação do vinho e o armazenamento, tudo à meia luz, para criar um clima de mistério e sensualidade. O ambiente é frio e o piso é de madeira.

O guia também conta um pouco sobre o criador da cave, o escocês George Sandeman, e a criação da logomarca, que é uma imagem representativa da Espanha, pelo chapéu (o sombrero) e de Portugal, pela capa comumente usada pelos estudantes universitários de Porto.

Degustação de vinho | Cave Calem | Porto

O tour, que dura cerca de 30 minutos, é finalizado com a degustação de um vinho branco e outro tinto, ambos com aquela doçura comum dos vinhos do Porto, algo que lembra um licor.

Cave de Calem

Cave de Calem | Porto | Portugal

Já no segundo dia, conhecemos a Cave de Calem. É a primeira da rua. Não teve grandes diferenças entre o tour em Sandeman. O processo é basicamente o mesmo. Visitas guiadas a partir de 5 euros com duração de 30 minutos e que terminam com a degustação de dois tipos de vinhos.

História Cave Calem | Porto | Portugal

A diferença é que o tour começa pelo museu da cave, onde mostram fotos e explicam um pouco sobre a região onde plantam as uvas. Achei que nesse eles explicaram melhor sobre o processo de envelhecimento das bebidas e as diferenças entre os diversos tipos de vinhos da marca e com que tipo de comida cada um harmoniza melhor.

Dicas de harmonização de vinho | Cave Calem |Porto

Em ambas as caves, a degustação é feita estrategicamente bem ao lado da loja de vinhos e souvenirs.

Já visitou essas ou outras caves em Porto? Conta pra nós sua experiência! 😉

Compartilhe este artigo!

Comentários

  1. Pingback: Nosso Roteiro: Porto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *