Los Roques: como escolher sua pousada

Já disse para não economizarem com hospedagem em Los Roques? Reforço novamente: Não economizem! No decorrer do post vou defendendo meu ponto de vista. Esse assunto começou até a render uma discussão no tópico que criei na comunidade de Los Roques no Orkut. Mas quando digo para não economizar, não é para listar as pousadas e ordená-las pelas mais caras e escolher uma delas. É escolher o melhor custo benefício. Não ficar em qualquer uma por achar que o que importa é só praia, sol e mar e desconsiderar um mínimo de conforto quando voltar cansado, sujo, pregando filtro solar, com areia até na alma e todo ardido do sol. Ou ficar em uma boa pousada e não comprar pensão completa e ter que preocupar em, antes de ir a praia, sair procurando os poucos estabelecimentos comerciais da ilha pra comprar comida.

Na minha opinião, espírito de mochileiro em Los Roques não rola. Não rola mesmo! E olha que sou um, viajo sem rumo, sem reserva, sem saber o que vou comer naquele dia e nem onde. Já dormi em albergue com quarto para 8, 10 e 16 pessoas, tudo para economizar alguns euros. Mas o espírito é outro. Los Roquesé o paraíso, e vale a pena curtir esse paraíso sem nenhuma preocupação, nenhuma dor de cabeça, com a única obrigação de relaxar e esquecer da vida no Brasil. E o nosso dinheiro vale tanto na Venezuela.. bora relaxar e sentir o mesmo gostinho que os europeus e americanos sentem quando estão em turismo pelo Brasil, hmn?!

Agora vamos lá!

Ficamos hospedados na simpática Posada Guaripete, que foi muito bem recomendada. E não nos decepcionamos com nada! A pousada é rústica e simples como todas na ilha, já que a maioria delas eram casas de pescadores que foram adaptadas, mas conserva o essencial para que você tenha conforto para descansar e comer bem. E tem wi-fi, informação importante!

O atendimento é impecável. Fabiola, Cheo e Eduardo fazem toda a diferença. É uma pousada com o clima descontraído de um albergue. Todo mundo conhece todo mundo e te chamam pelo nome. Mesmo com o calor escaldante, você até abre mão do ar condicionado do quarto para ficar no hall conversando com os outros hóspedes (muitos são de outras pousadas e vão a Guaripete para visitar), ficar petiscando as guloseimas que eram postas a mesa logo depois que chegávamos da praia e até ficar ouvindo as piadas e números de mágica do Éden, que nas horas vagas costuma ser chef de cozinha.

Noite do run (ou rrrooonnn). Na foto, da esquerda para a direita, nosso amigo chileno (que não lembro o nome já que o apelidamos de Valdivia.. hahahaha), Gilbert, Éden (nosso chef), eu, Vanessa e Polliana.

A pousada é pequena, as suítes são simples porém confortáveis, com ar condicionado e ventilador. As fotos que estão no site refletem a realidade. Não há TV e nem chuveiro elétrico, mas vá por mim, você não sentirá a mínima falta. O calor é de matar!

A noite os pernilongos fazem a festa, e a dica é não deixar de levar repelente para fazer companhia ao bloqueador solar. Apesar da pousada fornecer aqueles repelentes de tomada, eu recomendo a todos que levem desses sprays pequenos de inseticida como contigência. Digo isso pois tivemos a infelicidade de sermos premiados com uma noite sem energia elétrica, ou seja, sem ar condicionado, ventilador, repelente.. o caos! Hugo Chávez e seu ahorro de energia elétrica além do esperado pegou a ilha inteira desprevenida. O gerador da pousada não teve autonomia suficiente para segurar a longa interrupção e nos proporcionou uma noite terrível de calor e pernilongos, noite que preferimos eliminar das lembranças da nossa viagem para não comprometer o encanto do resto.

Já a comida é maravilhosa. Café da manhã com panquecas, arepas, sucos, mel, sucrilhos, leite, café, ovos mexidos… além do tal maple syrup (que a Polliana tanto adorava). Infelizmente não tiramos fotos da mesa do café posta. My bad!

O almoço era levado para a praia em caixas térmicas, caixas estas que não precisávamos nos preocupar a não ser com o momento de abrir quando batesse a fome, debaixo do nosso guarda-sol na praia. Todo o processo de embalar, guardar, carregar, descarregar e depois carregar e descarregar novamente era de responsabilidade da pousada e dos barqueiros.

Eduardo preparando para carregar nossas caixas térmicas até o barco

Cada dia era uma surpresa: wrap, peixe frito, omelete, arroz a grega, pão, salada de macarrão, ovo cozido, vários outros tipos de saladas, frutas, coca-cola, água, suco, cerveja… e é só o que consigo lembrar. Era bóia fria, era! Mas era deliciosa. Uma boia fria 5 estrelas, e com essa vista toda. E ainda rolava umas visitas que sempre faziam questão de aparecer no horário do almoço.

Los Roques | Nossas companhias no almoço

Quando chegávamos da praia, além de encontrarmos o ar condicionado do quarto ligado, éramos recebidos com um lanchinho esperto para segurar as pontas até o jantar. Por mim, só esse lanche já era suficiente.

nhami!

Mas eis que o jantar ainda nos aguardava.. ah o jantar! Pensei que comeria bem assim novamente só quando voltasse a Itália, mas descobrimos um pedacinho da Itália na Venezuela, pelo menos no tocante a gastronomia. A Guaripete, como várias pousadas de Los Roques, são de propriedade de italianos, que primam pelo prazer em mangiare. E além da comida, seguem todo o ritual italiano para servi-la.

Por volta das 20hrs, um sino é tocado informando todos os hóspedes que la cena è pronta! Quando todos estão postos a mesa, é servido o antipasto, a entrada. Na sequência, o primo piatto, onde é servido uma massa.. Mamma mia! E em seguida, o piatto di mezzo, onde é servido carne ou, na maioria das vezes, peixe, sempre acompanhado por legumes, quase sempre por batatas cozidas. Aliás, você gosta de batata? #interna 🙂

Mesa posta! Na foto, com nossos fiéis companheiros de mesa e passeios, Ricardo e Dominichi.

A comida é saborosíssima. O tempero é fantástico! Indescritível! Tínhamos que ficar dosando a quantidade de cada prato para conseguir chegar até o final, com a sobremesa. Ou postre como bem ensinava Éden. Geralmente uma torta, pudim ou mousse. Eu raramente conseguia deixar espaço para a sobremesa.

Um dos antipastos. Um dos raros pratos que fotografei. Eu ficava tão empolgado com a comida que acabava esquecendo de tirar as fotos jornalísticas

Uma hora depois saíamos da mesa felizes, satisfeitos e íamos para o quarto dormir e encarar o passeio do dia seguinte. Mas não sem antes tomar a última ducha de água fria para refrescar do calor!

E por falar nisso, o próximo post é sobre os passeios.

Arrivederci!

Compartilhe este artigo!

Comentários

  1. Fernando Teixeira
    29 jul 2010

    Ta faltando colocar o preço da diaria, estou pensando em montar uma pensão la e quero ter por base quanto vou cobrar!!!

  2. Fernando, eu falo sobre isso no post anterior, que trata dos custos 🙂

  3. Sandra
    29 jul 2010

    Esse material está ficando ÓTIMO! Tivemos a oportunidade de presenciar vários tópicos, aqui citados, e por isso te parabenizo.
    Seu blog é uma obra prima para todos que pretendem conhecer o local. Até o próximo post!!!

  4. Oi Sandra!
    Obrigado!
    É essa a minha intenção, retribuir as informações preciosas que obtive em outros blogs 😉

    E vc poderia contribuir aqui com seus comentários sobre a sua estada na Posada Refugio del Sol, a famosa pousada do José 😉

  5. Tá ficando muito bom esse relato! Tão bom que já deu vontade de voltar! rs
    E ó… ainda tem Maple Syrup lá em casa. rs

  6. Bacana Marcelo! Quando acabar a série eu linko lá no VnV! (Sem pressa, porque eu também demoro, hehe)

  7. vanessa
    17 ago 2010

    Nossa!! Esse é o Blog mais indicado por mim desde que voltei de Los Roques. hahaha
    E só para completar, nós ADORAMOS batatas!!!

  8. Não é porque o Ricardo Freire disse que você pode demorar que você precisa abandonar a série na metade! Vambora!! Se quiser, eu te ajudo!

  9. Preciosissimas suas informações Marcelo! Já fui 3 vezes pra Isla de Margarita e nunca cheguei a ir em Los Roques, pois meu marido acha perigoso pelo fato de ser esses aviões pequenos que fazem o percursso, mas já falei que na próxima nós vamos. E concordo plenamente com vc, no que diz respeito a não esquentar a cabeça nesse paraiso, sei bem como é, também sou da opinião que tem horas que vc tem que ostentar um pouco kkkkkk. Olha um grande abraço a vc e sua turma, e foi muito explicativa sua matéria.

  10. Grasi,
    Isla Margarita é a Porto Seguro das ilhas caribenhas. Não perca mais tempo com ela. Vá a Los Roques que vc não irá se arrepender.
    E o teco-teco é super tranquilo. No início dá medo mas depois é só festa. Na volta eu ainda voltei de co-piloto. Sensacional 😉

  11. Paulo
    27 out 2010

    Marcelo,
    Estive em Los Roques no início de setembro de 2010. Foi fantástico! Essa expediência me dá condições para dizer que seu blog, além de muito bem escrito, contém dicas preciosas para aqueles que pretendem passar férias incríveis, em um lugar lindo, confortável, porém sem frescura, pagando um preço justo.
    Quando para lá viajhei fiquei na pousada La Movida (http://www.posadamovida.com/). Recomendo muito também. O atendimento lá é excelente e, um detalhe importante, lá a internet é relativamete boa e estável e, o mais importante, tem um gerador que permite que os seus hóspedes não sintam qualquer efeito nocivo das constantes quedas de energia que a ilha sofre.
    Parabéns pelo blog.
    Abs,
    PAULO

  12. Paulo,
    obrigado pela contribuição!
    Escolher a pousada onde ficar é o alicerce de toda a viagem a Los Roques. E uma escolha bem feita é garantia de 90% de sucesso.
    Nossa pousada tb tinha gerador, o problema é que a ausência de luz se estendeu além da sua autonomia.

    Obrigado pela visita e contribuição 😉

  13. Nazareno Leão
    07 dez 2010

    Olá Marcelo,
    Parabéns pelo belo material, estou indo em janeiro, já li umas 5 vezes e vou ler mais uma 15 até chegar o dia da viagem.
    O preço da diária que a pousada Guaripete está me passando é de $120 por pessoa, quarto duplo, pensão completa, está bom o preço?
    E a passagem ida e volta de caracas pra LR está saindo por $250, consigo mais barato ou o preço é esse mesmo.

    Vlw

  14. Nazareno Leão
    07 dez 2010

    Acabei de ver no post anterior tudo sobre preços.
    De qualquer forma valeu…
    Abraço

  15. Andrei
    28 dez 2010

    Marcelo, vc tem alguma referência sobre a Pousada La Cigala? Estou planejando a minha viagem de lua de mel e quero encontrar uma acomodação que corresponda à importância da viagem. Obrigado!

  16. Andrei,
    a La Cigala foi muito bem recomendanda pelo Riq Freire e pela Carol Weiser. Teriamos ficado nela se tivessem respondido nosso e-mail.
    Conhecemos um casal que ficou hospedado por lá. Falaram muito bem dela, a única reclamação deles era quanto ao pernilongos. Disseram que a pousada tava infestada =\

  17. Laisa
    11 jan 2011

    Olá, Marcelo!
    O site da pousada Guaripete que vc linkou no seu post parece que saiu de serviço… Será que você teria o email de contato deles para que eu possa fazer uma reserva?
    Obrigada!

  18. Laisa
    11 jan 2011

    Estranho, não consegui acessar daqui e nem o meu marido no computador dele! Mas muito obrigada pela informação! Vou enviar o email!
    Parabéns pelo site!

  19. Andrei
    14 fev 2011

    Bom saber, vou mandar um email pra lá! Obrigado! Ainda na minha busca da pousada perfeita, vc teria alguma referência sobre a Pousada Caracol?

  20. Calopsitas
    21 ago 2011

    Legal, mas arraial do cabo, maragigi nao ficam a dever.

  21. mairinhanomundodalua
    06 dez 2011

    Este comentário foi removido pelo autor.

  22. Eu tava em dúvida, mas agora acho que está tudo certo.
    Só que o e-mail que estou me comunicando é Andrea Aloisio . Espero que esteja correto! hehehe

  23. Anonymous
    24 dez 2011

    Nossa, Los Roques é tudo isso q li e mto mais. Todo ser humano tem q passar por lá. É verdadeira criação de Deus. Indescritivel. Só indo p/ saber o q é…
    Passeios de barco, custam em média: 160 bolívares (divida isso + – por 4 p/ saber em real).Pousada Guaripete, mto legal.Vale a pena.

  24. laudares
    18 maio 2012

    Marcelo obrigado pelo blog!

    Por favor, você poderia me ajudar. Vou para LR em julho e queria saber como você fez as reservas na Guaripete.
    No site da Guaripete o contato se chama Andrea Aloisio. Estou com dúvidas se é seguro realizar metade do pagamento somente com trocas de email.

    Obrigado

    Breno

  25. Breno,
    a negociação que eu fiz foi também com o Andrea. Ele é um italiano dono da Pousada. Fica na Itália, inclusive. Eu nem paguei metade antecipado, paguei foi TUDO antecipado e não tive nenhum problema. Baseado nessa experiência, eu diria que vc pode ficar tranquilo. Eles são extremamente corretos em tudo que fazem.

  26. laudares
    18 maio 2012

    Marcelo!

    Muito obrigado. Fechei com a Guaripete hoje. Agora é esperar o dia da viagem.
    E durante a organização do restante da viagem se eu tiver mais dúvidas volto e te procurar, rs!

    Abraços!!

    Breno

  27. Ramses Augusto
    04 ago 2012

    Ola Marcelo, Estou com viajem marcada para LR em Outubro/Novembro e decidi me hospedar na Pousada Guaripete, depois de tantos elogios seus. Se fosse possivel saber o que o Breno achou do local, pois ele esteve em Julho, acho que seria muito bom os comentários dele. Se tiver condições mande um email para ele pedido seu relato.

    Agora e so aguarda os dias para conhecer este paraíso caribenho.

    um abraço.

    • Oi Ramses!
      Infelizmente não tenho o contato do Breno. O conteudo desse blog foi importado recentemente do blogger e os dados de e-mail não vieram na exportação.

      Quem sabe ele não aparece por aqui para responder seu comentário? 🙂

      Mas vai na fé.. não se preocupe. Não tem quem não se encante com Los Roques.

  28. Pingback: Los Roques: O Guia Completo | Across The Universe

  29. Pingback: Los Roques: preparando a viagem, passagem, hospedagem, taxas e custos de passeios | Across The Universe

  30. juliana
    07 nov 2012

    Lá é bom o ano inteiro? Ou tem uns meses melhor? A agua é quentinha? Bjuuuu

  31. Olá Marcelo,

    Excelentes posts com informações completas! Maravilhoso!
    Estou indo pra LR passar o Reveillon agora de 2013/2014… Vc tem informações da Pousada Bequeve ?
    Fechei meu pacote com a Venturas e eles já tem tudo montadinho, hotel em Caracas, transfers, pousada, passagens para LR… Só falta embarcar !

    Parabéns pelo trabalho do blog e por dividir estas informações. Quando eu retornar, te passo minhas impressões e atualizações.
    Feliz ano novo pra todos !!!
    Andréa

    • Oi Andrea!

      Nunca ouvir falar desta pousada. Ela dever ser nova, imagino.
      Putz! Inveja de você, reveilon está logo aí. Divirta-se bastante. Aproveite cada minuto neste paraíso. Depois volte para contar sua experiência e até mesmo dar maiores informações sobre essa pousada pra gente 😉

      Obrigado pela visita!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *