Cachoeira da Samambaia e da Abóbora

E dando continuidade aos posts da região de Caiapônia, em Goiás, apresento mais duas cachoeiras lindas. Localizadas a cerca de 36km do centro da cidade, no sentido Piranhas, as cachoeiras da Samambaia e da Abóbora ficam nas mesma trilha e distam entre si apenas 297m. Dá pra visitar ambas em uma manhã e aproveitar para dar uma esticadinha até a Cachoeira de São Domingos, já que parte do caminho é comum às três cachoeiras.

Do local onde se estaciona o carro até a entrada da trilha para a primeira cachoeira, a da Samambaia, não dá nem 100m. Você chega pelo topo, sendo necessário descer por uma trilha bem íngreme. A trilha é bem estruturada, sinalizada e tem algumas cordas para ajudar. No período que fomos, em julho, a queda estava bem seca, mas ainda assim achamos muito bonita.

Depois de um mergulho congelante (sério, gente… a temperatura dessa cachoeira só perde para as do Ibitipoca/MG), voltamos na trilha e seguimos por mais 297m até a Cachoeira da Abóbora.

Só tinha a gente no dia e foi realmente maravilhoso. Passamos várias horas por lá. A cor da água tem uma coloração verde musgo, bem intensa e diferente e o poço que se forma é muito tranquilo.

Como chegar

Do trevo de Caiapônia à Piranhas, zere o odômetro. Depois de aproximadamente 10,4 km na BR-158, vai passar a ponte do Rio do Monte, então vire à esquerda. Tem algumas placas de fazendas e é quando começa a estrada de chão.

Dessas placas até o primeiro entroncamento à direita, que leva para a Cachoeira da Samambaia e Abóbora são 16,3 km. Depois que virar à direita, siga reto por mais 3,5 km (vai ter placas indicativas para as cachoeiras no caminho), no final da estrada, virar à direita onde tem um barracão de fazenda, vire numa pequena estrada antes dele à esquerda. Daí em diante não vai ter mais bifurcações, é só seguir reto por mais 3,5 km e no final da estrada fica a entrada para a cachoeira. Tem uma placa no estacionamento indicando.

Quer saber mais sobre as cachoeiras desse Brasil? Cola aqui!

Compartilhe este artigo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *